‘Biossólido Itabira’ irá transformar lodo da Estação de Tratamento de Esgoto Laboreaux em um insumo agrícola

Publicado em

O “Biossólido Itabira”, uma colaboração entre o Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Itabira (Saae), a Secretaria Municipal de Agricultura e o Centro de Referência em Estações de Tratamento de Efluentes Sustentáveis ​​(CR ETES) está convertendo o lodo gerado pela Estação de Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Laboreaux em biossólido, um produto agrícola insumo rico em matéria orgânica e nutrientes.

O projeto piloto foi lançado oficialmente na quarta-feira (31) na Fazenda São Lourenço, onde funciona a unidade de tratamento de lodo. O evento contou com a presença de representantes da Interassociação, Unifei, Emater e Sindicato dos Produtores Rurais.

Conheça mais sobre o “Biossólido Itabira”

Esses insumos podem ser aplicados em pastagens, áreas degradadas e culturas específicas com segurança sanitária e ambiental. Seu uso visa melhorar a qualidade do solo e aumentar a produtividade regional.

A proposta de conversão do lodo de esgoto da ETE Laboreaux em biossólido para aplicação no solo é uma proposta inovadora no estado de Minas Gerais.

Nenhuma outra prestadora de serviços de saneamento no estado embarcou em projeto semelhante ao “Biossólido Itabira”, levando em consideração os seguintes pontos principais:

  • Fiscalização pelo Conama;
  • Aplicação do processo de estabilização alcalina;
  • Fase de aplicação no solo.

No entanto, o tema da utilização de lodo de esgoto no solo tem sido repetidamente discutido e estudado por outros atores do estado.

A ETE Laboreuax trata os efluentes do município de Itabira há cerca de 15 anos e desempenha um importante papel ambiental em nossa região. Mensalmente, a ETE Laboureaux retira até 120 toneladas de lodo desidratado e encaminha para aterro.

Matérias Relacionadas

‘Rodovia do Minério’: acordo entre MPMG e prefeituras pode tirar 1.500 carretas da BR–040

No primeiro semestre deste ano, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) pretende finalizar...

“A Concessão Itabira Iron”: Livro relata a história da mineração em Itabira.

"A concessão Itabira Iron, a origem da Vale e os primórdios da mineração no...

“É impossível conduzir uma agência na situação que ela está” – diz AMIG sobre Agência Nacional de Mineração

A Associação dos Municípios Mineradores de Minas Gerais e do Brasil(AMIG) declarou apoio aos...

“Gente cuidando das águas” – projeto da Nexa é destaque em evento da ONU

O "Gente cuidando das águas" foi desenvolvido pela mineradora Nexa com apoio do Banco...

últimas Matérias

 Anglo Gold Ashanti tem vagas de estágio para níveis técnico e superior

Vagas se destinam tanto a atuações presenciais quanto híbridas, com carga horária diária de 6 horas; Inscrições podem ser feitas pela internet até 31 de agosto

 Ato em defesa da ANM – servidores protestam pela estruturação da Agência Nacional de Mineração

Servidores da Agência Nacional de Mineração estão com as atividades paralisadas como forma de...

 Funcionários dos Correios desistem de greve na véspera da Black Friday

Servidores cogitavam paralisação para reivindicar correções em Acordo Coletivo e melhores condições de trabalho, mas desistiram da ideia após terem pedidos considerados pelos Correios

‘AMM nas Micros’ chega em Conceição do Mato Dentro na próxima semana

A caravana do “AMM nas Micros” volta às estradas e desta vez o objetivo...