Começo de 2024 será de calor e chuva acima da média histórica em Minas Gerais

Publicado em

 

Os mineiros deverão enfrentar temperaturas e chuva acima da média histórica em Minas Gerais no primeiro trimestre de 2024. A projeção é do relatório de tendência climática elaborado pelo Sistema de Meteorologia e Recursos Hídricos de Minas Gerais (Simge), do Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam).

De acordo com o documento, elaborado na última terça-feira (26), as temperaturas estarão até 2°C de acima da média no Norte e Jequitinhonha. Na maior parte de Minas os termômetros devem subir 1°C acima da média histórica.

O motivo apontado pelo relatório é a continuidade do fenômeno atmosférico-oceânico, conhecido como El Niño, caracterizado por anomalias positivas da Temperatura da Superfície do Mar (TSM), ou seja, águas mais quentes que as normais se estabelecem no Oceano Pacífico Tropical Centro-Oriental, próximo à costa oeste da América do Sul.

O meteorologista do Simge, Heriberto dos Anjos explica: “O El Niño 2023/2024 já está entre os cinco mais intensos já registrados (desde 1950) e a tendência é que persista influenciando no clima por toda a estação do verão, ou seja, até o final de março de 2024”.

A chuvas no primeiro trimestre de 2024 devem ser intensas na porção norte do estado (Noroeste, Norte de Minas e Jequitinhonha) apresentem anomalias positivas de precipitação, com cerca de 50 a 100 mm acima da média. Nas demais regiões de Minas, a previsão é de chuvas dentro da normalidade.

Chuva forte na última sexta-feira de 2023

 O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) prevê chuva forte em 217 municípios mineiros, com ventos que podem chegar 100km/h. Deve chover de 50mm a 100mm no território desses municípios. O alerta é válido até as 10h desta sexta-feira (29). Confira a lista.

Matérias Relacionadas

‘Festival Fartura Dona Lucinha’ agita cidades de Serro e Conceição do Mato Dentro

Entre os dias 20 e 28 de maio, o "Festival Fartura Dona Lucinha" chega...

‘Rodovia do Minério’: acordo entre MPMG e prefeituras pode tirar 1.500 carretas da BR–040

No primeiro semestre deste ano, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) pretende finalizar...

“A Concessão Itabira Iron”: Livro relata a história da mineração em Itabira.

"A concessão Itabira Iron, a origem da Vale e os primórdios da mineração no...

“É impossível conduzir uma agência na situação que ela está” – diz AMIG sobre Agência Nacional de Mineração

A Associação dos Municípios Mineradores de Minas Gerais e do Brasil(AMIG) declarou apoio aos...

últimas Matérias

 Anglo Gold Ashanti tem vagas de estágio para níveis técnico e superior

Vagas se destinam tanto a atuações presenciais quanto híbridas, com carga horária diária de 6 horas; Inscrições podem ser feitas pela internet até 31 de agosto

 Ato em defesa da ANM – servidores protestam pela estruturação da Agência Nacional de Mineração

Servidores da Agência Nacional de Mineração estão com as atividades paralisadas como forma de...

 Funcionários dos Correios desistem de greve na véspera da Black Friday

Servidores cogitavam paralisação para reivindicar correções em Acordo Coletivo e melhores condições de trabalho, mas desistiram da ideia após terem pedidos considerados pelos Correios

‘AMM nas Micros’ chega em Conceição do Mato Dentro na próxima semana

A caravana do “AMM nas Micros” volta às estradas e desta vez o objetivo...