Parque Estadual do Itacolomi fechará para reformas a partir de 1º de janeiro

Publicado em

 

Instituto Estadual de Florestas (IEF) informou nesta terça-feira (26) que o Parque Estadual do Itacolomi, localizado nos municípios mineradores de Ouro Preto e Mariana, fechará temporariamente para visitação a partir de 1º de janeiro de 2024. O motivo é a realização de reparos nas vias de acesso e reformas de algumas instalações

De acordo com o órgão, passarão por reforma o centro de visitantes, portaria, credenciamento, alojamentos, escritório, Museu do Chá, toda a área de camping, oficina e almoxarifado. A previsão é que as obras sejam concluídas até o fim de 2024.

A gerente da Unidade de Conservação (UC), Maria Lúcia Coimbra Cristo, explica que os recursos para a reforma são provenientes da compensação minerária. Também serão feitos reparos nas vias de acesso ao parque, que ficaram comprometidas devido às fortes chuvas na região.

Atualmente, encontra-se em elaboração o projeto para equacionamento definitivo de acesso à UC, decisão que segue orientações da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil Departamento de Estradas de Rodagem do Estado de Minas Gerais (DER-MG).

Em visita técnica ao parque, as instituições alertaram para a necessidade de adoção de medidas que garantam a segurança dos usuários e funcionários.

Concessão do parque

O Itacolomi é uma das unidades de conservação cujo serviços foram concedidos à iniciativa privada pelos próximos 30 anos. A empresa ficará responsável pelo gerenciamento do uso de atividades de ecoturismo e visitação, além dos serviços de gestão, operação e manutenção dos atrativos. A empresa vencedora da concessão assumirá a atuação após a conclusão das obras. Saiba mais

A concessionária será responsável pela aplicação dos recursos para modernização e implantação de infraestruturas, como centro de visitantes, quiosques, mirantes e restaurantes. Os recursos serão direcionados, ainda, a ações de preservação ambiental, desenvolvimento turístico e dinamização das economias locais.

Em contrapartida, a empresa poderá obter receitas advindas de atividades como cobrança de ingresso, alimentação, comércio e serviços turísticos, incluindo atividades de turismo de aventura. As informações são da Agência Minas. Clique para conhecer mais detalhes do Parque do Itacolomi.

Matérias Relacionadas

‘Festival Fartura Dona Lucinha’ agita cidades de Serro e Conceição do Mato Dentro

Entre os dias 20 e 28 de maio, o "Festival Fartura Dona Lucinha" chega...

‘Rodovia do Minério’: acordo entre MPMG e prefeituras pode tirar 1.500 carretas da BR–040

No primeiro semestre deste ano, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) pretende finalizar...

“A Concessão Itabira Iron”: Livro relata a história da mineração em Itabira.

"A concessão Itabira Iron, a origem da Vale e os primórdios da mineração no...

“É impossível conduzir uma agência na situação que ela está” – diz AMIG sobre Agência Nacional de Mineração

A Associação dos Municípios Mineradores de Minas Gerais e do Brasil(AMIG) declarou apoio aos...

últimas Matérias

 Anglo Gold Ashanti tem vagas de estágio para níveis técnico e superior

Vagas se destinam tanto a atuações presenciais quanto híbridas, com carga horária diária de 6 horas; Inscrições podem ser feitas pela internet até 31 de agosto

 Ato em defesa da ANM – servidores protestam pela estruturação da Agência Nacional de Mineração

Servidores da Agência Nacional de Mineração estão com as atividades paralisadas como forma de...

 Funcionários dos Correios desistem de greve na véspera da Black Friday

Servidores cogitavam paralisação para reivindicar correções em Acordo Coletivo e melhores condições de trabalho, mas desistiram da ideia após terem pedidos considerados pelos Correios

‘AMM nas Micros’ chega em Conceição do Mato Dentro na próxima semana

A caravana do “AMM nas Micros” volta às estradas e desta vez o objetivo...