Problemas comuns ao iniciar um negócio

Publicado em

 

Vivemos em um mundo em que é inegável a contribuição do fator empreendedorismo como um dos eixos principais ao desenvolvimento de um país. A constituição de empresas, contudo, desafiam as pessoas que desejam iniciar um negócio com dificuldades criadas pelo próprio governo. Elas variam desde os atrasos nos processos de registro da empresa, carga tributária e financiamentos.

Para aqueles com disposição de lançar-se em seu próprio negócio, a burocracia é inacreditável. Segundo pesquisa realizada pelo Banco Mundial sobre as condições reais de vida das empresas, o Brasil é o sexto pior país do mundo em complexidade para dar esse primeiro passo fundamental. Atualmente, de acordo com dados do Banco Mundial e dependendo do ramo de atividade, para se abrir uma empresa no Brasil, são necessários passar por 15 procedimentos, o que leva 152 dias. Este é apenas o primeiro desafio para quem deseja ter o seu próprio negócio.

Os impostos causam infindáveis problemas. Os brasileiros estão sufocados pela alta carga tributária brasileira que tem como objetivo principal sustentar a estrutura ineficaz do governo. A carga tributária brasileira que em 1.989 representava 20% do PIB – Produto Interno Bruto sofreu aumentos sucessivos e atualmente supera 40%, segundo um estudo divulgado pelo Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT), ou seja, 40%  de toda a riqueza produzida no país é destinada ao pagamento de impostos. A carga tributária equivale à soma da arrecadação de todos os tributos federais, estaduais e municipais.

Negócio sem planejamento é barco à deriva

É fato a necessidade de financiamentos, capazes de engrenar os negócios por meio de empréstimos de baixo custo. Mas, principalmente os micros e pequenos têm extremas dificuldades de acesso efetivo ao crédito, apesar das muitas linhas de recursos disponibilizadas, seja por bancos públicos e privados, pois a burocracia, as altas taxas de cadastros e, evidentemente, as altas taxas de juros inviabilizam os financiamentos.

Em suma, “a empresa sem planejamento é como um barco à deriva, sem rumo, que não age, apenas reage às marés e ao vento” compara o consultor Francisco Cunha, diretor da TGI e integrante da Rede Gestão. Quem não planeja o seu futuro torna-se mais vulnerável aos problemas mais comuns ao iniciar um negócio.

Investimentos na contratação de profissionais de negócios, antes de sua implementação – tais como: consultores, administradores, contadores ou recorrer a entidades representativas empresariais como o Sebrae – tornam-se uma atitude inteligente para evitar investimentos infundados. Você já ouviu dizer que um sonho pode se tornar um pesadelo?

1 6
Reginaldo Calixto
Administrador, empreendedor, MBA em Gestão Estratégica de Negócios, foi Vice-Prefeito e Secretário de Desenvolvimento Econômico do município de Itabira.

Matérias Relacionadas

‘Festival Fartura Dona Lucinha’ agita cidades de Serro e Conceição do Mato Dentro

Entre os dias 20 e 28 de maio, o "Festival Fartura Dona Lucinha" chega...

‘Rodovia do Minério’: acordo entre MPMG e prefeituras pode tirar 1.500 carretas da BR–040

No primeiro semestre deste ano, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) pretende finalizar...

“A Concessão Itabira Iron”: Livro relata a história da mineração em Itabira.

"A concessão Itabira Iron, a origem da Vale e os primórdios da mineração no...

“É impossível conduzir uma agência na situação que ela está” – diz AMIG sobre Agência Nacional de Mineração

A Associação dos Municípios Mineradores de Minas Gerais e do Brasil(AMIG) declarou apoio aos...

últimas Matérias

 Anglo Gold Ashanti tem vagas de estágio para níveis técnico e superior

Vagas se destinam tanto a atuações presenciais quanto híbridas, com carga horária diária de 6 horas; Inscrições podem ser feitas pela internet até 31 de agosto

 Ato em defesa da ANM – servidores protestam pela estruturação da Agência Nacional de Mineração

Servidores da Agência Nacional de Mineração estão com as atividades paralisadas como forma de...

 Funcionários dos Correios desistem de greve na véspera da Black Friday

Servidores cogitavam paralisação para reivindicar correções em Acordo Coletivo e melhores condições de trabalho, mas desistiram da ideia após terem pedidos considerados pelos Correios

‘AMM nas Micros’ chega em Conceição do Mato Dentro na próxima semana

A caravana do “AMM nas Micros” volta às estradas e desta vez o objetivo...