Conheça o grafeno: material que promete transformar a indústria no mundo

Publicado em

O grafeno é um material composto por átomos de carbono considerado o mais forte e mais fino conhecido no mundo. Leia a matéria a seguir e saiba mais sobre grafeno e sua utilização no setor industrial.

O grafeno é um material leve, fino, resistente, maleável além de ser um ótimo condutor de eletricidade e de calor. De acordo com o relatório feito pelo DNPM (Departamento Nacional de Produção Mineral) em 2012,o mercado do grafeno deverá ser um dos mais rentáveis no mundo. O DNPM também afirma que o material pode atingir 1 trilhão de dólares em apenas 10 anos.

Utilização e aplicabilidade

A exploração de grafeno ainda passa por diversos estudos e testes, os quais são feitos a fim de viabilizar e reduzir o alto custo de produção.  O grafeno pode ser utilizado em diversos setores industriais: energético, eletrônico, construções civis, automobilístico e até na medicina. Muitos especialistas acreditam que o grafeno pode revolucionar o setor industrial. O fato de ser cerca de 200 vezes mais forte e resistente do que o aço, o grafeno também desafia as siderúrgicas no mundo inteiro.

No Brasil, existem grandes reservas de grafita, material do qual se extrai o grafeno. De acordo com o USGS (Serviço Geológico dos Estados Unidos) o Brasil é o segundo maior produtor de grafita do mundo. As regiões de maior potencial estão no sul do país e nos estados de Minas Gerais, Ceará e Bahia. Devido à abundância da matéria prima em território brasileiro, muitos estudos estão sendo desenvolvidos. Em São Paulo, a Universidade Presbiteriana Mackenzie é sede do primeiro laboratório direcionado à pesquisas com grafeno da América Latina, o MackGraphe.

mackGraphe 2
Sede do MackGraphe. | Reprodução: Universidade Presbiteriana Mackenzie.

Algumas empresas já possuem projetos de utilização do grafeno em seu processo produtivo. A Marcopolo, por exemplo, divulgou que utilizará o material para substituir o aço em sua nova unidade. Saiba mais em: https://cidadesmineradoras.com.br/nova-fabrica-da-marcopolo-ira-substituir-aco-por-grafeno/

 

Matérias Relacionadas

“A Concessão Itabira Iron”: Livro relata a história da mineração em Itabira.

"A concessão Itabira Iron, a origem da Vale e os primórdios da mineração no...

“É impossível conduzir uma agência na situação que ela está” – diz AMIG sobre Agência Nacional de Mineração

A Associação dos Municípios Mineradores de Minas Gerais e do Brasil(AMIG) declarou apoio aos...

“Gente cuidando das águas” – projeto da Nexa é destaque em evento da ONU

O "Gente cuidando das águas" foi desenvolvido pela mineradora Nexa com apoio do Banco...

últimas Matérias

 Anglo Gold Ashanti tem vagas de estágio para níveis técnico e superior

Vagas se destinam tanto a atuações presenciais quanto híbridas, com carga horária diária de 6 horas; Inscrições podem ser feitas pela internet até 31 de agosto

 Ato em defesa da ANM – servidores protestam pela estruturação da Agência Nacional de Mineração

Servidores da Agência Nacional de Mineração estão com as atividades paralisadas como forma de...

 Funcionários dos Correios desistem de greve na véspera da Black Friday

Servidores cogitavam paralisação para reivindicar correções em Acordo Coletivo e melhores condições de trabalho, mas desistiram da ideia após terem pedidos considerados pelos Correios

‘AMM nas Micros’ chega em Conceição do Mato Dentro na próxima semana

A caravana do “AMM nas Micros” volta às estradas e desta vez o objetivo...